quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Dicas Para Abandonar os Refrigerantes de Uma Vez Por Todas

refrigerante

RefrigerantesRefrigerantes:Dicas Para Abandonar os Refrigerantes de Uma Vez Por Todas:Todo mundo já sabe que os refrigerantes não são lá a melhor opção para quem deseja cuidar bem da saúde e boa forma. 

Um dos motivos para isso é que eles possuem as chamadas calorias vazias, que não oferecem muitos nutrientes ao organismo mas aumentam o valor final de calorias consumidas em um dia e, por consequência, ajudam a fazer com que os quilinhos a mais apareçam.

Isso sem contar que eles ainda podem fazer mal aos ossos, causar diabetes e cáries nos dentes.

Mesmo sabendo disso, o sabor apetitoso da bebida pode fazer com que muita gente tenha bastante dificuldade para cortar ou ao menos diminuir a quantidade de refrigerantes que consome.

Pensando nisso, nós trazemos hoje para você uma série de dicas que certamente te auxiliarão na hora de abandoná-los de uma vez por todas. Confira a seguir:

1. Diminua aos poucos

É preciso ser realista. Se você é viciado em refrigerantes e os toma em todas as refeições do dia, retirar totalmente a bebida de sua vida pode não ser a melhor das saídas. 

Por isso, a dica é ir diminuindo aos poucos a quantidade consumida.
Por exemplo, comece reduzindo esse consumo para um copo por dia. Depois de algumas semanas, beba o refrigerante somente de duas a três vezes por semana e mais tarde limite esse número para uma vez por semana. 

Continue a reduzir gradativamente a frequência com que toma a bebida e quando ela estiver bastante diminuída, não será tão difícil assim se acostumar a ficar sem ela por mais tempo.

2. Reveze com a água

Ao mesmo tempo que diminuir aos poucos a quantia de refrigerante tomado, passe a revezar a sua ingestão com água. Funciona assim: quando for almoçar ou jantar, encha metade de um copo com água e outro com a bebida. 

Dessa maneira, você não apenas consumirá menos calorias vazias como também ficará mais hidratado.

3. Comece a contar as calorias

Seja anotando no clássico caderninho ou registrando o número de calorias em aplicativos no smartphone, comece a contar a quantidade de calorias que você consome ao longo do dia.

No final das contas você se surpreenderá como o consumo dos refrigerantes reflete na sua contagem e o quanto de calorias você poderia ter deixado de obter se não os tivesse tomado.

4. Calcule o esforço necessário para queimar essas calorias

Se ver com os próprios olhos o aumento de calorias que o hábito de tomar refrigerante lhe causa não for suficiente para o seu caso, procure fazer uma continha básica para saber que tipo de esforço você teria que fazer para se livrar delas.

Uma pesquisa realizada no ano de 2014 pela Universidade John Hopkins, nos Estados Unidos, mostrou que para se livrar de cerca de 600 ml de refrigerante é preciso caminhar mais de 8 km ou correr durante 50 minutos.

5. Troque por chá

Para quem precisa de um pouco de cafeína logo cedo, mas não gosta de café, a dica é se render aos chás, que além de refrescantes, possuem uma quantidade bem menor de calorias que os refrigerantes e oferecem mais benefícios à saúde.

6. Beba um copo de água antes de tomar o refrigerante

Refrigerantes

Quando bater aquela vontade incontrolável de beber um copão gelado de refrigerante, pegue uma garrafinha cheia de água e beba-a antes. Dessa maneira, se o desejo tiver ocorrido por conta da sede, você não terá por que tomar a bebida.

E se mesmo assim a vontade falar mais alto e você não resistir, ao menos tomará uma quantidade menor de refrigerante, já que estará hidratado e cheio com a água de acabou de beber.

7. Experimente água com gás

Se o que te atrai nos refrigerantes é o fato deles serem gaseificados, procure trocá-los pela água com gás ou pelas bebidas saborizadas com gás. 

Assim, você não sofre com uma diferença tão brusca como poderia acontecer caso você deixasse sua coca ou guaraná de lado por água normal ou um suquinho natural, por exemplo.

8. Incremente a sua água

Mesmo sem gás, é possível dar um sabor a mais à água e deixá-la mais gostosa. Basta acrescentar ingredientes como limão, laranja ou pepino e deixar a bebida bem gelada. Para os dias de calor é uma ótima saída na hora de substituir o refrigerante bem geladinho.

9. Fique longe daquilo que te estimula a tomar o refrigerante

Se você parar e prestar atenção à rotina do seu dia a dia, certamente encontrará alguns hábitos ou cenários que contribuem para que você tome tanto refrigerante.

Pode ser o restaurante que você come que não oferece sucos saborosos, a geladeira do escritório que vive lotada da bebida ou a mania de passar no supermercado ou padaria antes de ir para casa.

Desse modo, tente fazer alguns testes de mudança de ambiente para ver o que acontece. 

Troque o seu restaurante por um que mande bem nos sucos, vá menos vezes visitar a geladeira do escritório, deixando uma garrafinha de água ou suco em cima da sua mesa, para evitar que você precise abri-la com frequência e peça para outra pessoa de sua família passar no supermercado ou padaria no seu lugar.

Caso perceba que ao realizar essas mudanças, vocês está bebendo menos refrigerantes, tente torná-las algo permanente em sua vida.

10. Tente ficar sem a bebida por algumas semanas

Enquanto para algumas pessoas a tática de ir abandonando a bebida aos pouquinhos é melhor, para outras a solução é radicalizar mesmo. Sendo assim, não custa nada fazer o experimento, não é verdade? 

Tente ficar algumas semanas ou até um mês sem colocar uma gota de refrigerante na boca e espere o resultado.

Pode até ser que ao término do período você queria voltar correndo para a bebida e precise voltar à técnica da diminuição gradativa, mas também é possível que você se acostume com isso e consiga finalmente dizer adeus aos refrigerantes.

11. Guarde para ocasiões especiais

Refrigerantes

Uma vez que você percebeu que consegue viver sem os refrigerantes, apesar de ainda apreciar o gostinho deles, separe certas ocasiões para tomá-los. 

O aniversário de um amigo ou um encontro em família são situações em que a bebida geralmente é servida. 

Então, você pode se liberar e tomar um copinho nessas ocasiões, sem exagero, é claro.

Dieta para Colesterol LDL Alto – Alimentos e Dicas

Quando você tentou atacar a porção de batatas fritas, pediu o sanduíche com bacon ou escolheu no cardápio o fettucine à parisien...