quinta-feira, 26 de maio de 2016

Dieta Laxativa – Alimentos, Cardápio e Dicas

Dieta Laxativa
 Dieta LaxativaDieta Laxativa é um programa alimentar próprio para quem sofre com problemas intestinais como prisão de ventre e gases, tendo em vista que atua na regularização do funcionamento do intestino, prevenindo ou combatendo os distúrbios que resultam nessas complicações.

O método também pode ajudar a melhorar a boa forma, já que uma vez que a complicação é resolvida, aquele inchaço na região da barriga causado pela dificuldade de ir ao banheiro também terá sido eliminado.
Alimentos da dieta laxativa
Se um alimento é rico em fibras, pode apostar que certamente ele fará parte da dieta laxativa. Este nutriente, encontrado em frutas, cereais integrais e vegetais, melhora o trânsito intestinal e contribui com o bom funcionamento do órgão.
Na lista abaixo, você confere alguns exemplos de alimentos e bebidas que aparecem no programa alimentar:
  • Abacate;
  • Abobrinha;
  • Ameixa amarela, vermelha e preta;    
  • Aveia;
  • Bagos de feijão;
  • Batata-doce;
  • Beterraba;
  • Berinjela;
  • Brócolis;
  • Cevada;
  • Chicória;
  • Couve-flor;
  • Ervilha;
  • Espinafre;
  • Laranja com bagaço;
  • Limão;
  • Maçã com casca;
  • Melado;
  • Milho verde;
  • Morango;
  • Pães feitos com farinhas integrais;
  • Pera;
  • Repolho;
  • Uva;
  • Arroz integral;
  • Linhaça;
  • Centeio;
  • Semente de girassol;
  • Gérmen de trigo;
  • Proteína texturizada de soja;
  • Melão;
  • Melancia;
  • Abacaxi;
  • Uva passa;
  • Chá de carqueja;
  • Chá de babosa;
  • Chá de melissa;
  • Chá de sálvia;
  • Chá de erva-cidreira;
  • Chá de hortelã;
  • Chá de espinheira santa;        
  • Chá de gengibre;
  • Chá de laranjeira;
  • Chá de capim limão;
  • Chá de maracujá;
  • Suco de laranja;
  • Alho;
  • Iogurte;
  • Cebola;
  • Ervas;
  • Milho;
  • Banana nanica;
  • Almeirão;
  • Jaca;
  • Repolho;
  • Tomate;
  • Vegetais folhosos;
  • Lentilha;
  • Alface;
  • Agrião;
  • Feijão;
  • Jiló;
  • Figo;
  • Pepino;
  • Couve;
  • Vagem.

Por outro lado, farinhas refinadas, mandioca, maizena (amido de milho), trigo, arroz branco (arroz polido) e pão branco devem ser evitados por se tratarem de itens que estimulam a prisão de ventre.
Cardápio da dieta laxativa
Separamos abaixo alguns exemplos de cardápio da dieta laxativa. Porém, antes de escolher o seu, converse com um nutricionista, que poderá te ajudar a programar as refeições de modo que você obtenha benefícios e forneça os nutrientes que seu organismo precisa para funcionar bem, sem prejudicar a saúde. Não se esqueça que esses são apenas modelos e a alimentação ideal varia de pessoa para pessoa.

Exemplo 1

  • Café da manhã: 1 copo de leite desnatado, 1 colher de sopa de farelo de aveia e 1 fatia de queijo Minas;
  • Lanche da manhã: ½ mamão papaia;
  • Almoço: 1 prato de sobremesa de alface com linhaça, 2 colheres de sopa de couve refogada e 1 fatia de peito de peru;
  • Lanche da tarde: 1 xícara de café de banana desidratada;
  • Jantar: 1 pires de salada de repolho e tomate, 2 colheres de sopa de macarrão integral e 1 lata de atum light;
  • Ceia: 1 fatia de abacaxi.

Exemplo 2 

  • Café da manhã: 1 copo de suco de laranja natural, 1 colher de farelo de aveia, 1 fatia de bolo simples e 1 fatia de ricota;
  • Lanche da manhã: 1 iogurte natural;
  • Almoço: 1 pires de salada de rúcula, tomate e pepino, 1 fatia de carne assada, e 2 colheres de sopa de brócolis ao vapor;
  • Lanche da tarde: 1 copo de vitamina de laranja e mamão;
  • Jantar: 1 prato de sopa de legumes com farelo de aveia;
  • Ceia: 1 pera.

Exemplo 3

  • Café da manhã: 1 copo de suco natural de maracujá, 2 fatias de pão integral e 1 fatia de queijo branco;
  • Lanche da manhã: 2 torradas integrais;
  • Almoço: 1 pedaço (posta) de peixe assado, 2 colheres de sopa de macarrão integral e salada verde à vontade;
  • Lanche da tarde: 1 copo de iogurte de frutas vermelhas;
  • Jantar: 1 prato de salada de escarola e acelga, 2 colheres de sopa de arroz integral, 1 pires de cenoura ralada e 2 colheres de sopa de iscas de frango;
  • Ceia: 2 ameixas pretas.

Exemplo 4

  • Café da manhã: 1 iogurte natural, 1 colher de sopa de linhaça, 1 unidade de pão integral e 1 colher de sobremesa de margarina com fibras;
  • Lanche da manhã: 2 ameixas vermelhas;
  • Almoço: 1 pires de salada de escarola e milho verde, 2 colheres de sopa de abobrinha e berinjela e 1 filé de peixe assado;
  • Lanche da tarde: 1 taça de salada de frutas e 1 colher de sopa de granola;
  • Jantar: 2 berinjelas recheadas com carne moída, 2 colheres de sopa de arroz integral e 2 colheres de sopa de vagem;
  • Ceia: 1 maçã assada.
Dicas e cuidados
Ao ingerir as fibras presentes nos alimentos recomendados pela dieta laxativa, a orientação é beber bastante líquido para que as propriedades laxativas do nutriente sejam aproveitadas. A recomendação é beber no mínimo dois litros de líquidos por dia, que podem ser provenientes de água (principalmente), sucos naturais, água de coco e chás.
Outro conselho é que os alimentos sejam bem mastigados e que a pessoa que segue o programa alimentar dê preferência àqueles que realmente trazem o efeito laxante. Essa é uma descoberta que é feita conforme o passar do tempo que a pessoa adotou a dieta e integrou as fibras às suas refeições.
No entanto, se você ainda não tem o costume de comer muitas fibras em sua alimentação, aumente o teor de consumo de forma gradual. Uma elevação grande e brusca na quantidade ingerida do componente pode trazer mais problemas em relação aos gases, inchaço e cólicas abdominais.
Para aproveitar bem as fibras das frutas, é necessário comer também as suas cascas e bagaços. A mesma regra se repete com as verduras, que fornecem maiores doses do nutriente quando consumidas com seus talos e folhas.
Se mesmo depois de fazer suas refeições com base na dieta, você ainda tiver problemas para eliminar suas fezes, converse com seu médico a respeito da possibilidade de utilizar um remédio para resolver o problema. Entretanto, recorra a um medicamento somente se ele prescrever e obedeça os cuidados que ele indicar, até porque alguns desses medicamentos podem irritar as paredes intestinais.
Já se você não tem problemas intestinais e se interessou pela dieta laxativa somente com o intuito de emagrecer, é melhor pensar duas vezes antes de aderir ao programa alimentar, visto que ele pode não ser a escolha mais saudável.
Portanto, se você deseja perder peso, mas não precisa soltar o intestino, procure ter uma alimentação saudável e equilibrada e pratique exercícios físicos com regularidade, sempre com acompanhamento médico e de um profissional de educação física.
Dieta LaxativaDieta Laxativa


Dieta para Colesterol LDL Alto – Alimentos e Dicas

Quando você tentou atacar a porção de batatas fritas, pediu o sanduíche com bacon ou escolheu no cardápio o fettucine à parisien...