quinta-feira, 19 de maio de 2016

Dieta da Tapioca Emagrece? Como Funciona, Cardápio e Dicas

Tapioca
TapiocaTapioca: A maior parte das dietas de emagrecimento recomenda um consumo baixo de calorias e o corte de um ou outro alimento. Embora também exija um cuidado maior com alimentação, a dieta da tapioca não é tão restritiva e se baseia no princípio de que é preciso estar bem alimentado para perder peso.

Como é fonte de carboidratos, a tapioca fornece energia para os exercícios sem acrescentar gordura à dieta, ao mesmo tempo em que mantém a saciedade (todo mundo já sabe que um dos efeitos colaterais das dietas mais populares é exatamente o apetite incontrolável ao longo do dia).
E como seria uma dieta que propõe a inclusão de um alimento não extremamente “light” como a tapioca?
Confira logo abaixo como funciona e descubra se a dieta da tapioca emagrece realmente ou é apenas mais uma das dietas da moda que volta e meia aparecem na mídia.
Propriedades da Tapioca
Obtida a partir da mandioca, a tapioca é uma excelente fonte de carboidratos de rápida absorção, mas quase não contém gorduras. Uma porção pequena de tapioca contém 68 calorias, 1,6 gramas de proteína e 17 g de carboidratos.
Outros nutrientes da tapioca: ferro, cálcio, fósforo e vitaminas do complexo B.
Benefícios da Tapioca
A tapioca é uma ótima opção para o café da manhã e o lanche porque:
Fornece energia de maneira rápida para o corpo;
É fonte de cálcio, mineral indispensável para os ossos e que também atua no metabolismo das gorduras e no controle do apetite;
Não contém gliadina, uma proteína do glúten que está associada a um aumento na vontade de comer carboidratos e que também provoca inflamações na parede do intestino;
Contém vitamina K, um nutriente essencial para a coagulação sanguínea e que ainda participa da síntese de proteínas ósseas;
Reduz a fadiga e o estresse, melhora o metabolismo da glicose e ajuda a manter o balanço eletrolítico das células (graças à presença de potássio).
Como Funciona a Dieta da Tapioca
Ao contrário de muitas dietas bizarras, a dieta da tapioca não prega o consumo exclusivo da iguaria por dias a fio.
O princípio de como a dieta da tapioca emagrece é bastante simples: você deverá substituir o pão com manteiga do café da manhã (ou de qualquer outro horário do dia) por tapioca com recheio leve.
Uma tapioca preparada com 3 colheres de fécula de mandioca contém menos de 70 calorias – metade das calorias do pão francês. E como não contém glúten, a tapioca pode reduzir as inflamações do corpo e combater o inchaço causado pela proteína.
Mas a Dieta da Tapioca Emagrece mesmo?
Ao contrário de uma série de alimentos que aceleram o metabolismo, desintoxicam ou mesmo tiram o apetite, a tapioca não possui um efeito especial sobre a perda de peso. Mas, quando encarada como uma alternativa mais saudável ao pão, a tapioca pode ajudar a reduzir medidas.
Isso porque o alimento é menos calórico que o derivado do trigo, além de praticamente não conter sódio, mineral que favorece o inchaço e dá a sensação de ganho de peso. Outra vantagem da tapioca é que, quando preparada com determinados ingredientes ricos em fibra, ela passa a ter um impacto menor sobre a glicemia, favorecendo o controle do apetite.
De maneira resumida, podemos dizer que a dieta da tapioca emagrece porque você está trocando o pão por um alimento mais saudável e com menos potencial inflamatório. E não podemos nos esquecer de que, ao contrário do pão, a tapioca não contém aditivos químicos e quase não tem gorduras.
Todas essas propriedades da tapioca colaboram para torná-la um alimento de alto valor energético que pode ser aliado da perda de peso desde que você modifique seus hábitos alimentares.
Tapioca x Pão

img_1_31_4039

Mas se tanto o pão como a tapioca são ricos em carboidratos, qual a vantagem de substituir o pãozinho pela iguaria à base de fécula de mandioca?
Já sabemos a resposta para essa grande dúvida sobre a dieta da tapioca. Além de não fornecer gorduras e ser praticamente natural, a tapioca não contém glúten, a proteína do trigo que pode causar intolerância e alergia em pessoas sensíveis ao nutriente.
Sabe-se que o glúten pode aumentar as inflamações do organismo e dificultar o controle do apetite, dois efeitos diretamente associados ao ganho de peso.
Outra vantagem da tapioca é que ela pode ser preparada com ingredientes funcionais (como as sementes de chia ou linhaça) de maneira a aumentar o valor nutricional do alimento. As fibras que podem ser adicionadas à tapioca desempenham um papel fundamental no prolongamento da saciedade e também no bom funcionamento do intestino.
O pão branco por sua vez praticamente não contém fibras, é fonte de calorias “vazias” (sem vitaminas e minerais) e ainda por cima contribui para a prisão de ventre.
Como Fazer a Dieta da Tapioca
Para emagrecer com a dieta da tapioca você deverá consumir até no máximo duas tapiocas ao dia, sempre em substituição ao pão ou outra fonte de carboidratos que estava habituado a consumir de manhã ou em outros horários.
Ou seja: nada de continuar comendo como sempre e simplesmente acrescentar uma ou duas tapiocas ao cardápio. O máximo que você vai conseguir com isso é ganhar alguns quilos!
A dica é trocar o pão com manteiga por uma tapioca recheada com frango ou outra proteína magra, e deixar o salgado – ou outra guloseima – de lado à tarde e optar por uma tapioca com fruta antes de ir para a academia.
Tudo isso, é claro, em conjunto com uma dieta hipocalórica, isto é, com uma certa restrição na quantidade dos alimentos à mesa.
Como preparar a tapioca
Sendo o objetivo da dieta substituir o pão mais calórico pela tapioca mais leve, não faz sentido utilizar manteiga ou óleo no preparo do alimento. Portanto, nada de untar a panela: prefira um utensílio antiaderente.
Você poderá optar pela tapioca granulada ou então pela goma hidratada (que deverá ser mantida na geladeira após a abertura da embalagem). O preparo da tapioca é igual para os dois tipos.
Ingredientes:
  • 3 colheres de sopa de farinha de tapioca;
  • 1 colher de chia, linhaça, aveia, farinha de banana verde ou outro alimento funcional;
  • Recheio.
Preparo:
  • Leve uma panela antiaderente ao fogo e deixe esquentar um pouco;
  • Misture a farinha com o alimento fonte de fibras e espalhe tudo sobre a panela;
  • Faça um disco de 10-12 cm de diâmetro e deixe cozinhar por 1-2 minutos;
  • Acrescente o recheio de sua preferência e feche a tapioca, dobrando a massa ao meio como um pastel;
  • Deixe no fogo por mais 1-2 minutos e sirva em seguida.
Cardápio
tapioca
Já vimos que a dieta da tapioca emagrece apenas se for seguida de uma alimentação balanceada e com menos calorias do que seu corpo necessita para manter o metabolismo.
O cardápio abaixo é uma sugestão para reduzir o consumo de calorias sem cortar grupos alimentares inteiros ou então passar fome.
Café da manhã:
  • Opção 1: 1 tapioca com 1 colher de linhaça + recheio de 2 colheres de frango desfiado com ½ tomate picado com orégano + 1 xícara de chá verde;
  • Opção 2: 1 tapioca com 1 colher de chia + 1 fatia de queijo branco light + 1 copo de água morna com suco de ½ limão;
  • Opção 3: 1 tapioca com 1 colher de farinha de berinjela + recheio com 1 fatia de peito de peru, 2 folhas de alface e cebolinha a gosto + 1 xícara de chá de hibisco.
Lanche da Manhã:
  • Opção 1: 1 pote de iogurte desnatado;
  • Opção 2: 1 copo de suco verde detox (2 folhas de couve, ½ copo de água, ½ limão espremido e raspas de gengibre);
  • Opção 3: 1 xícara de melão picado.
Almoço:
  • Opção 1: 3 colheres de purê de batata doce + 1 omelete com 2 claras, 1 gema, ½ xícara de espinafre picado, orégano e salsinha a gosto + 1 prato raso de salada verde;
  • Opção 2: 2 colheres de arroz integral + 1 colher de feijão + 1 filé de tilápia grelhado + salada de couve;
  • Opção 3: 1 tapioca com 1 colher de aveia (opte por outra fonte de fibra se for intolerante ao glúten) + recheio com 2 colheres de atum em água, 1 colher de cream cheese light, cebolinha e pimenta do reino a gosto + 1 pires de salada de rúcula.
Lanche da Tarde:
  • Opção 1: ½ mamão papaia com 1 colher de chá de farinha de linhaça dourada;
  • Opção 2: 1 tapioca com 1 colher de whey protein + recheio com ½ banana e canela em pó a gosto;
  • Opção 3: 1 maçã verde.
Jantar:
  • Opção 1: 1 Filé de frango pequeno + 1 prato raso de salada de palmito com agrião + ½ batata doce cozida;
  • Opção 2: Salada com 2 colheres de cenoura ralada, 2 colheres de milho e 3 folhas de alface + ½ xícara de mussarela de búfala em cubinhos;
  • Opção 3: 2 colheres de arroz integral + ½ xícara de brócolis cozido no vapor + 1 filé de peixe branco.
Dicas
A dieta da tapioca emagrece se você se manter fiel ao cardápio e deixar os recheios calóricos de lado. Ou seja: nada de leite condensado, coco ralado, doce de leite, goiabada com queijo, etc;
Não basta apenas escolher um recheio light para a tapioca: é importante dar preferência a opções que tragam mais saciedade, como as proteínas magras e os alimentos ricos em fibra;
Peito de frango ou peru, cottage, atum em água, espinafre com cottage, whey protein são alguns dos recheios que ajudam a controlar o apetite e ainda por cima contêm pouca gordura;
Evite consumir a tapioca sem uma fonte de proteína como acompanhamento. Como tem alto índice glicêmico, a iguaria pode alterar rapidamente a quantidade de açúcar no sangue, favorecendo o surgimento da fome fora de hora;
Para não exagerar nos carboidratos – e nas calorias – evite consumir mais que duas tapiocas ao dia;
Se estiver sem tempo de preparar o recheio da tapioca, experimente bater no liquidificador 1 ovo inteiro, 1 folha de couve e 3 colheres de sopa de fécula de mandioca – ou goma de tapioca.
Altamente nutritiva, a mistura é fonte de fibras e proteínas que vão ajudar a manter a fome afastada por mais tempo;
Dê um empurrãozinho à dieta e comece a praticar atividade física. Aproveite as calorias da tapioca para caminhar, correr, andar de bicicleta, fazer treino HIIT, aula de jump, etc.

Dieta para Colesterol LDL Alto – Alimentos e Dicas

Quando você tentou atacar a porção de batatas fritas, pediu o sanduíche com bacon ou escolheu no cardápio o fettucine à parisien...