quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Sérvia e Kosovo chegam a acordo “histórico”, diz UE

A ponte que divide Mitrovica entre a parte da cidade habitada por albaneses e a parte dos sérvios

A Sérvia e o Kosovo chegaram a acordo sobre a maior parte das suas disputas e assinaram quatro acordos, num passo que a chefe da diplomacia europeia, Federica Mogherini, classifica como “histórico”.

Os municípios de maioria sérvia no Norte do Kosovo, como Mitrovica, vão ter autonomia nas áreas da educação, saúde e desenvolvimento económico local, financiados por Belgrado, explicou o primeiro-ministro sérvio, Aleksandar Vucic. 

Uma empresa de telecomunicações e a empresa de electricidade estatal sérvia Elektroprivreda Srbije vão criar unidades específicas para poderem operar no Kosovo.

Por outro lado, o Kosovo – uma ex-província sériva que declarou a independência em 2008, após uma guerra de independência entre 1998 e 1999 que contou com bombardeamentos da NATO para expulsar as forças sérvias deste território de maioria étnica albanesa – passará a ter o seu próprio código telefónico internacional.

“De certa forma, é o reconhecimento da independência do Kosovo [pela Sérvia]”, disse o ministro dos Negócios Estrangeiros de Pristina, Hashim Thaci, citado pela rádio sérvia B92.

Estes acordos precedem uma cimeira marcada para Viena, na quinta-feira, em que a chefe da diplomacia europeia, Federica Mogherini, se reunirá com os dirigentes dos países dos Balcãs Ocidentais – e em que o tema forte será a crise da imigração e dos refugiados. 

A chegada a acordo entre o Kosovo e a Sérvia era um trunfo a levar para esta cimeira, e os dois países estiveram sob intensa pressão da União Europeia. “Estes resultados representam um marco no processo de normalização das relações”, declarou, satisfeita, Mogherini.

Para a Sérvia, o acordo é um passo largo para o objectivo de vir a entrar na União Europeia, seguindo o trilho das ex-repúblicas jugoslavas Eslovénia e Croácia, que já são membros.

 “Já não há mais obstáculos para iniciar as negociações de adesão [com a UE]”, afirmou Vucic. “O nosso caminho europeu está traçado.” A meta de Belgrado é conseguir entrar no bloco europeu no fim da década – mas melhorar as relações com o Kosovo é uma condição fundamental.







Dieta para Colesterol LDL Alto – Alimentos e Dicas

Quando você tentou atacar a porção de batatas fritas, pediu o sanduíche com bacon ou escolheu no cardápio o fettucine à parisien...