segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Dicas de Como Evitar Varizes

Varizes

Varizes: Dicas de Como Evitar Varizes Naturalmente.Condição que atinge mais de 40 milhões de brasileiros – sendo 60% deles mulheres acima dos 50 anos -, as varizes são indesejadas não só do ponto de vista estético como também de saúde.

Apesar da genética ser a grande vilã por trás da dilatação dos vasos sanguíneos, as varizes também pode ser causadas por outros fatores que podem ser combatidos de maneira natural, como a obesidade, tabagismo, e o sedentarismo. 

É importante que você conheça como evitar varizes naturalmente para não chegar a uma idade avançada tendo que sofrer com elas e outras complicações. Confira nossas dicas:

Saiba mais sobre as varizes


Nosso coração bombeia sangue oxigenado para todo o corpo através das artérias, e recebe de volta pelas veias o sangue que já foi utilizado para nutrir os tecidos e agora está carregado de CO2.

Esse sangue venoso que sobe em direção ao tórax está com pouca pressão (ao contrário do sangue arterial, que acabou de ser bombeado), e para conseguir chegar até o coração precisa lutar contra a gravidade. Por esse motivo, as veias contêm válvulas, que somente permitem que o sangue siga em direção ao coração, mas impedem que ele retorne.

Por fatores genéticos, enfraquecimento muscular ou outros motivos, as válvulas podem parar de funcionar, causando o retorno do sangue venoso às veias das pernas. O sangue acumulado dilata os vasos, causando o aspecto inchado e endurecido das varizes.

As varizes também podem ser causadas por enfraquecimento da parede dos vasos, que se tornam frágeis e ficam dilatadas, acumulando sangue venoso em excesso.

Quais os fatores de risco?


varizes

Além do fator hereditário, o surgimento das varizes também está relacionado ao sexo, já que mulheres têm uma probabilidade três vezes maior de apresentar o problema. Isso se deve em grande parte à atuação dos hormônios estrógeno e progesterona, que enfraquecem a parede dos vasos sanguíneos.

Isso não significa, no entanto, que você não possa contribuir para o surgimento das varizes. Estar acima do peso, fumar, permanecer por longos períodos na mesma posição e ter uma má alimentação também são fatores de risco para as varizes.

Algumas doenças, alterações hormonais e gravidez também podem favorecer o aparecimento das varizes.

Como evitar varizes naturalmente


Assim como ocorre com algumas outras condições que possuem um componente genético, não se deve utilizar o histórico familiar como desculpa para não modificar os hábitos. 

Ainda que você tenha alguém em sua família que tenha varizes, você pode tomar atitudes que diminuam o seu risco de desenvolver a condição.

Confira então as 11 melhores dicas de como evitar varizes naturalmente:

1. Cuide do Peso


O sobrepeso pode vir acompanhado de uma série de complicações de saúde, entre elas o surgimento das varizes nas pernas.

Os quilinhos a mais não somente aumentam a pressão sobre os membros inferiores como também estressam o sistema circulatório como um todo, já que os vasos ficam frágeis e o coração passa a ter que trabalhar mais para poder levar sangue oxigenado para todo o corpo.

A gordura acumulada na região abdominal dificulta o trajeto de volta do sangue para o coração, favorecendo seu acúmulo das veias das pernas. 

2. Deixe de fumar


Além dos outros inúmeros malefícios que o tabagismo causa à saúde, o hábito de fumar ainda pode favorecer o surgimento de varizes. 

Isso porque algumas das inúmeras substâncias que compõem o cigarro, entre elas a nicotina, têm o potencial para aumentar a viscosidade do sangue. 

E quanto mais espesso o sangue em circulação, mais difícil se torna seu bombeamento de volta para o coração.
É importante lembrar também que a combinação do cigarro com a pressão alta pode causar o que os médicos chamam de Insuficiência Venosa dos Membros Inferiores, condição em que o sangue passa a ter dificuldade para retornar ao coração e passa a se depositar nas pernas, por exemplo. 

Com o passar do tempo, o sangue passa a se acumular nas veias, o que como já vimos causa as indesejáveis varizes.

Portanto, uma das dicas de como evitar varizes naturalmente é apagar o cigarro e controlar ao máximo os outros fatores de risco associados à condição, como a alimentação e o peso. 

3. Exercite-se


Além de cuidar da alimentação, movimentar-se é uma das melhores maneiras de prevenir o aparecimento das varizes. 

E os motivos para calçar o tênis são simples: exercícios como a caminhada e a corrida melhoram a circulação nas pernas e fortalecem a musculatura da panturrilha, dificultando o acúmulo de sangue nos membros inferiores.

E, além disso, a atividade física também contribui para a diminuição da pressão arterial, melhorando a saúde do sistema circulatório como um todo.

Combine exercícios leves de fortalecimento muscular com caminhadas e corridas, procurando fazer pelo menos 4 sessões semanais de exercícios.

4. Tome cuidado com os anticoncepcionais


Dados atuais sugerem que as mulheres estão iniciando o uso de anticoncepcionais cada vez mais cedo, resultando em décadas de alterações nos hormônios produzidos naturalmente pelo corpo.

O problema do uso prolongado de anticoncepcionais são as altas concentrações de estrógeno e progesterona do medicamento, hormônios que dilatam as veias e acabam por enfraquecer a parede dos vasos sanguíneos. 

Veias mais frágeis são mais suscetíveis à formação de varizes, já que a diminuição na resistência dos vasos dificulta a volta do sangue para o coração.

Para quem já tem histórico de varizes na família e utiliza anticoncepcionais, a dica mais importante é prestar ainda mais atenção aos outros fatores que podem provocar o problema, como o tabagismo, a má alimentação, tempo excessivo na mesma posição e o sedentarismo.

Também vale a pena conversar com seu médico sobre anticoncepcionais com um teor menor de estrógeno, ou então sobre outros métodos contraceptivos.

 5. Tenha bons hábitos alimentares


Os hábitos à mesa podem ser aliados -ou vilões – na luta contra as varizes. 

Enquanto alimentos ricos em gordura, sal e açúcar causam inflamações e podem levar ao enfraquecimento da parede dos vasos, aqueles ricos em fibras e vitamina C podem ter um efeito exatamente oposto.

Pesquisas têm ligado dietas pobres em fibras ao surgimento de varizes, e o consumo exagerado de sal eleva a pressão arterial e dificulta o retorno do sangue venoso.
Uma alimentação hipercalórica e pouco nutritiva ainda sobrecarrega o fígado, órgão que também filtra o sangue e remove as impurezas.

Quando obrigado a metabolizar regularmente álcool, gordura e carboidratos refinados, o fígado pode tornar-se cronicamente inflamado e eventualmente se degenerar, causando o acúmulo de sangue nas pernas. 

Isso ocorre porque, ao não conseguir passar de maneira eficiente pelo órgão, o sangue tende a permanecer alojado dentro das veias, dilatando os vasos e causando varizes.

6. Mude de posição


A humanidade nunca passou tanto tempo sentada, e o problema está tão grave que sentar está sendo considerado o novo “cigarro”, pelas consequências que o excesso de horas na mesma posição pode trazer à saúde.

Esse é mais um caso em que a gravidade atua de maneira negativa, pois ficar seis horas diárias com as pernas para baixo – e praticamente sem movimento – irá dificultar o bombeamento de sangue para o tórax e com o passar do tempo o sangue passará a se acumular nas pernas.

O mesmo problema ocorre quando ficamos em pé por longos períodos, já que a pressão da gravidade também dificulta a circulação. Para diminuir o risco do surgimento de varizes, caminhe por pelo menos dois minutos após ter permanecido por uma hora na mesma posição.

Caso não seja possível caminhar, eleve as panturrilhas (fique na ponta dos pés) 20 vezes seguidas, contraindo o músculo para estimular o envio de sangue para o coração.

Outra dica para de como evitar varizes quem permanece sentado por longos períodos é utilizar um suporte para os pés (como na imagem abaixo), de maneira a diminuir a pressão sobre as pernas e melhorar a circulação.


varizes

E, por último, tenha uma boa postura ao sentar-se. Evite cruzar as pernas e sente-se apoiando as costas na cadeira.

7. Tenha uma dieta rica em antioxidantes


Certifique-se de incluir em sua dieta alimentos ricos em vitamina C e flavonóides, nutrientes indispensáveis para a formação e proteção das veias e artérias. 

Confira alguns dos melhores alimentos para acrescentar à sua dieta para prevenir varizes:
  • Abacate: apesar do alto teor de gordura, o abacate não deve de maneira alguma ser abolido do seu cardápio. A fruta cremosa é fonte de inúmeros nutrientes que beneficiam a saúde das veias e artérias, entre eles a vitamina C e E. O abacate também contém glutationa, um antioxidante que protege os vasos sanguíneos e o coração contra os danos causados pelos radicais livres;
  • Trigo Sarraceno: esse pseudo-cereal é fonte de rutina, um flavonóide que fortalece a parede dos vasos sanguíneos e previne o inchaço e as dores causadas pelas varizes. Você pode utilizar as sementes na forma de salada, para preparar pão integral ou como uma alternativa sem glúten à sua dieta;
  • Mirtilos: também conhecidos como blueberries, os frutinhos de cor azulada contêm uma alta concentração de antocianinas, um flavonóide (antioxidante) que ajuda a manter a integridade do colágeno, impedindo que enzimas e radicais livres destruam a proteína que dá suporte à parede dos vasos sanguíneos. Os antioxidantes do mirtilo também atuam no reparo das proteínas danificadas na parede das veias, contribuindo para a saúde do sistema cardiovascular. As frutas ainda são fonte de fibras, que favorecem o funcionamento do intestino e a eliminação de toxinas;
  • Alecrim: a erva aromática estimula a circulação e também é fonte de ácido rosmarínico, um fitonutriente que atua no combate aos radicais livres que podem danificar as paredes das veias e artérias. Outro nutriente encontrado no alecrim é o ácido ursólico, que entre outras propriedades também ajuda a fortalecer os vasos capilares;
  • Beterraba: a presença de betacianina, um poderoso antioxidante que confere à beterraba sua característica cor roxa, pode fazer da planta uma ótima adição à dieta para evitar varizes. A betacianina reduz os níveis de homocisteína, um aminoácido que pode degenerar a parede dos vasos sanguíneos. Certifique-se de incluir pelo menos três porções semanais da planta em sua dieta;
  • Gengibre: além dos já conhecidos benefícios do gengibre para a saúde, a raiz de origem asiática também tem sido utilizada para prevenir e evitar varizes. Quando consumido de maneira regular, o gengibre ajuda a dissolver a fibrina, uma proteína que atua na coagulação do sangue. Pessoas que sofrem com varizes têm dificuldade para degradar a fibrina, o que resulta no aspecto duro e irregular das varizes. Acrescente uma colher de chá de gengibre ralado em sucos, sopas ou saladas.

8. Cuidado com o Salto Alto


Sapatos com saltos altos ou então desconfortáveis (apertados na frente, por exemplo) tendem a mudar o tipo de pisada, prejudicando a circulação nas pernas e favorecendo o acúmulo de sangue nos vasos sanguíneos.

Outro motivo para não usar saltos (além dos problemas que podem causar na coluna) é que o sapato deixa a panturrilha em uma posição que favorece o acúmulo de sangue no local, o que é exatamente o que você não deseja e procura como evitar varizes.

Deixe sempre que possível o salto em casa ou então opte por modelos mais baixos e confortáveis, lembrando-se também de tirar os sapatos sob a mesa de trabalho caso tenha essa possibilidade.

9. Eleve as pernas sempre que possível


Aquele velho hábito de colocar os pés para o alto após o final do expediente não ocorre ao acaso: depois de horas na mesma posição e possivelmente com excesso de sangue nas pernas, nada mais apropriado do que elevar os pés para facilitar o retorno do sangue para o coração.

Isso não significa no entanto que você deve fazer isso somente uma vez ao dia – aliás, muito pelo contrário. A dica é elevar as pernas sempre que possível; e quando falamos em elevar estamos nos referindo a deixar as pernas acima do nível do coração por pelo menos 15 minutos.

Estudos indicam que esse simples hábito pode ajudar a reduzir o risco do surgimento das varizes, uma vez que a posição reduz a pressão nas pernas e favorece a circulação sanguínea.

10. Tome chá de castanha da índia


Planta medicinal utilizada para tratar problemas circulatórios, a castanha da índia tem sido estudada pelos seus benefícios no tratamento e em como evitar varizes.

Além de conter uma substância que diminui a viscosidade do sangue, a castanha da índia também aumenta a resistência dos vasos e capilares, reduzindo sua permeabilidade e dificultando a ocorrência de “vazamentos” que dão origem às varizes.

Para obter todos os benefícios da castanha da índia na prevenção das varizes, tome 2 ou 3 xícaras de chá da planta todos os dias.

11. Utilize meias de compressão


Famosas entre os praticantes de corridas de longa distância, as meias de compressão também podem ser aliadas de quem está procurando como evitar varizes naturalmente.

O uso das meias de compressão ajuda a reduzir a pressão da gravidade sobre as veias dos membros inferiores, favorecendo o retorno do sangue ao coração e melhorando a circulação no interior dos vasos sanguíneos.

Essa propriedade das meias de compressão contribui para uma redução do inchaço das pernas e pode contribuir para quem busca como evitar varizes. Como existem diferentes tipos e tamanhos de meias de compressão, converse com seu médico antes de iniciar o uso do material.

 

Dieta para Colesterol LDL Alto – Alimentos e Dicas

Quando você tentou atacar a porção de batatas fritas, pediu o sanduíche com bacon ou escolheu no cardápio o fettucine à parisien...